quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Dragões ou dragos (do grego drákon, δράκων) são criaturas presentes na mitologia dos mais diversos povos e civilizações. São representados como animais de grandes dimensões, normalmente de aspecto reptiliano (semelhantes a imensos lagartos ou serpentes), muitas vezes com asas, plumas, poderes mágicos ou hálito de fogo. A palavra dragão é originária do termo grego drakôn, usado para definir grandes serpentes.
Em vários mitos são apresentados literalmente como grandes serpentes, como eram inclusive a maioria dos primeiros dragões mitológicos, e em suas formações quiméricas mais comuns. A variedade de dragões existentes em histórias e mitos é enorme, abrangendo criaturas bem mais diversificadas. Apesar de serem presença comum no folclore de povos tão distantes como chineses ou europeus, os dragões assumem, em cada cultura, uma função e uma simbologia diferentes, podendo ser fontes sobrenaturais de sabedoria e força, ou simplesmente feras destruidoras.
Desenhar um dragão não uma tarefa difícil. Vamos ver abaixo algumas dicas simples sobre como desenhar essas criaturas tão fantásticas.



1º PASSO
Assim como em qualquer outro desenho, o primeiro passo para aprender a desenhar dragões é realizar o esboço inicial.  Esta etapa será muito importante para predefinir o modelo do dragão. Então o esboce da seguinte forma. Desenhe uma esfera oval para representar a cabeça, faça o esboço do pescoço bem alongado, e como um dragão são formatos de serpente, alongue o modelo do pescoço por todo o corpo feito em ondulações, assim poderá dar uma aparência de serpente ao dragão. Em seguida marque o desenho das mãos e das pernas sempre marcando um círculo para definir o local das juntas. Marque a calda também como uma extensão do corpo e, por último, defina o esboço das asas.


2º PASSO
Agora vamos definir o contorno da cabeça e do pescoço. Faça primeiro o contorno externo da cabeça, marcando os chifres e as dobras da cabeça na altura dos olhos, da boca. A parte de cima da boca deve ser sempre um pouco maior que a parte de baixo. Marque os chifres e em seguida, defina o contorno externo do pescoço. Faça o desenho das escamas de baixo uma paralela a outra e sempre seguindo o contorno externo do pescoço. Para as escamas de cima, desenhe círculos abertos, tipo um “C” e sempre um diferente com a abertura para lados opostos e os traços em “C” sem ser um seguindo o outro, deve desenhá-los sempre aleatoriamente.




3º PASSO
 Agora defina o contorno do corpo. Nesta etapa, deve-se ficar atento a musculatura dos braços, pernas e do corpo em geral. Aqui destaquei alguns músculos. Estes são o mínimo, caso deseje, poderá adicionar mais ou defini-los a sua vontade. Para o desenho dos pés, faça-os compridos com dedos e garras bem avantajadas.







4º PASSO
Agora faça o desenho das outras pernas e braços. Veja que adicionei algumas escamas similares às escamas do pescoço. Adicionei apenas algumas nos braços do dragão para que você possa ver a diferença que dar adicionar as texturas na pele do dragão ou deixá-lo com a pele lisa sem texturas.














Aqui adicionei mais algumas texturas nas pernas.  Esta textura você pode adicionar em toda a pele do dragão.







5º PASSO
E por último, desenhe as asas. O primeiro passo para desenhar as asas é definir o “braço” das asas Aqui você pode adicionar músculo e detalhes de ossos. Em seguida, defina o tamanho e as dobras da asa. Então conclua o desenho das asas adicionando seus detalhes internos.

E então, mais um desenho concluído

How to Draw a dragon



1 comentários: